(49) 3664-5300 rh@sbhm.com.br
O 66º aniversário do Hospital São José de Maravilha será neste sábado (9) e neste ano um dos grandes motivos para comemorar é a nova etapa de ampliação da entidade filantrópica. A história começou em 1956 e desde então o hospital escreveu importantes capítulos, sempre ampliando sua estrutura física, pessoal e prestação de serviços. A capacidade inicial era de seis leitos, um médico e quatro colaboradores, com atendimento em uma antiga estrutura de madeira, antes usada como hotel. Em 1961 foi construída a nova estrutura em alvenaria e terreno próprio. Atualmente, a entidade conta com uma área de 4.800 m², com 93 leitos de internação, sendo 10 de UTI. A equipe de colaboradores é superior a 150 profissionais. De cunho filantrópico, o hospital conta com mais de 900 associados.
REFERÊNCIA PARA 50 MIL HABITANTES
Conforme a diretora, Neiva Schaefer, o Hospital São José é referência em saúde, urgência e emergência, para 50 mil habitantes, incluindo Maravilha e municípios da região. São mais de 3 mil atendimentos por mês. A diretora reconhece a coragem dos primeiros sócios fundadores que lutaram para que Maravilha tivesse um hospital, entidade que aos poucos foi crescendo e se tornando referência. Neiva também agradece a todos os associados que já foram ou são parte da diretoria atual, colaboradores, municípios e lideranças parceiras do hospital e que fazem parte destes 66 anos de história. Muito diferente do início, atualmente a unidade conta com diversas especialidades, com profissionais formados em clínica geral, obstetrícia, ginecologia, cirurgia, urologia, cardiologia, anestesiologia, otorrinolaringologia, ortopedia, traumatologia, radiologia, pediatria, oftalmologia, vascular, cirurgia plástica, neurocirurgia, fonoaudiologia, fisioterapia, assistência social, nutrição, bioquímicos, psicologia, farmácia, enfermagem, serviço de apoio, e setor administrativo.
PROJETO DE AMPLIAÇÃO
Neiva destaca que o hospital tem muito a comemorar neste ano, podendo anunciar que em breve o novo projeto de ampliação será realidade. O investimento estimado é de R$ 24 milhões, sendo que o recurso inicial, de aproximadamente R$ 7 milhões, já está garantido pelo governo do estado para iniciar a obra. O projeto já está aprovado pela vigilância sanitária estadual e a direção aguarda a liberação da licença ambiental e alguns trâmites junto ao governo do estado para assinar o convênio e licitar a obra. Além do novo prédio de cinco andares, o hospital terá uma ampliação na estrutura atual, na ala da frente, próximo ao pronto-socorro. Um dos principais avanços será a implantação de uma UTI NEO Natal e a possibilidade de atender gestações de alto risco.
MARCOS HISTÓRICOS
2005/2006: Implantação do plantão hospitalar 24 horas, com especialidades  
2009: Remodelação do centro cirúrgico, com novas salas 2011: Inauguração da Unidade de Terapia Intensiva (UTI)
2013: Primeira captação de órgãos realizada pela equipe do Hospital 
2016: Inauguração do heliponto.